Resenha 110 | Conto dos 7

em 5.9.15
Título: Conto dos 7 – Os Sete Pecados Capitais
Contos dos autores: Glau Tambra, Lu Franzin, Marcelo Maropo, Moisés Suhet, Maud Epascolato, Lucas Odersvank e Fábio Abreu.
Publicação independente: Amazon | 2014 | 360 páginas
Sinopse: Ao longo da história da Humanidade, o número sete sempre esteve envolto em uma mística muito peculiar. Os Sete Chacras, os Sete Céus, os Sete Selos do Apocalipse, os sete dias da semana... Atraídos por esse número mágico, um grupo de sete escritores – Os 7 – se reuniu para conceber este livro. 
Nos sete contos da antologia, você irá vivenciar os mistérios dos Sete Pecados Capitais – Orgulho, Inveja, Gula, Preguiça, Avareza, Luxúria e Ira – e as formas como podem afligir uma alma. A visão de cada autor o guiará por histórias de pessoas que têm gravadas em sua alma inclinações para um desses pecados, e que pagará as suas consequências. Da fantasia ao drama sombrio. Histórias de vida que poderiam, sem dúvida, ser a sua.
Descubra o seu pecado em Conto dos 7 – Os Sete Pecados Capitais.

Resenha
por Bianca

Olá, gente!!! 

Sei que muitos leitores fogem de contos e um dos motivos é a frustração com o final. Muitos contos mexem tanto conosco que ficamos dias (até anos) imaginando e torcendo por uma continuação. Existem muitos contos que fizeram isso comigo, mas esse fato não me faz fugir deles, muito pelo contrário: atrai-me. 

Na antologia Conto dos 7 temos sete autores nacionais trazendo sete contos cujo o tema, conforme subtítulo, são os sete pecados capitais.

Como acontece com todas as antologias que já li até hoje, alguns contos não me conquistaram tanto, outros me prenderam do início ao fim. Por isso, decidi fazer comentários sobre cada conto, individualmente.

O pecado capital ORGULHO foi retratado no conto A Refém, da autora Glau Tambra. Neste conto, testemunhamos a vaidade de uma mulher que conseguiu ultrapassar o tempo.

Na Babilônia, A.C, uma das mulheres do rei era tão vaidosa que queria um espelho mágico para si. A fim de conseguir tal façanha, ela fez um ritual. Séculos mais tarde, exatamente em 2012, conhecemos a orgulhosa Maysa.

Ela olhava a todos com soberba e superioridade como se fosse uma rainha e isso incomodava as pessoas. (p. 41)

A autora criou uma personagem bem forte, refém de seu próprio orgulho. Não se trata apenas de vaidade com o físico, Maysa se considera melhor que os outros por vários motivos. Está acostumada a conseguir tudo o que bem entende, e por isso pagou bem caro para ter em mãos um artefato misterioso.

Iniciei a leitura encantada com todos os elementos. Adorei o fato de termos duas fases em um único conto e as histórias se interligarem no final. Fiquei um pouco decepcionada com o desfecho. Em minha opinião, a autora se excedeu na dosagem religiosa. Tinha todos os elementos para ser o melhor conto, mas não foi. Considerei apelativo. Mas ressalto que é minha mera opinião. 

Tendo como base a INVEJA, a autora Lu Franzin traz o conto As Sombras de Alice. Alice é uma garota comum, estudante de História. Tem uma irmã linda, chamada Ana, estudante de Medicina. A mãe das duas demonstra explicitamente ter um carinho mais especial por Ana do que por Alice. E assim a autora nos mostra que muitas vezes nossa inveja pode estar invisível aos olhos. 

Este conto me fez entrar em contradição com minhas próprias opiniões. Eu não considerava Alice invejosa ao lê-lo pela primeira vez. Reli e, enfim, consegui interpretar a mensagem que a autora quis passar. Bem, não vou entrar em detalhes, do contrário seria um grande spoiler, mas posso dizer que esse foi o conto que mais me fez refletir. Ás vezes o pecado cresce alimentado pelo próprio ambiente. 

O conto A Gula do Pecado, de Marcelo Maropo, com certeza ficará em minha memória para todo o sempre. Aliás, será esse conto que irei ler para meus filhos e sobrinhos quando os tiver. Com uma linguagem simples e um contexto envolto em um certo mistério, Marcelo nos mostra o pecado da GULA através de uma criança. Também nos passa uma mensagem religiosa explícita, porém sem ser apelativa. 

A PREGUIÇA é o pecado descrito no conto Destino, de Moisés Suhet. Foi o que mais me encantou. Fiquei apaixonada pela escrita do autor e fiquei presa do início ao fim. Com uma mensagem forte e linda, o autor nos apresenta uma realidade de anjos caídos. Dentre os seres, um já não sente tanta vontade de lutar e tem aversão pelos humanos, com a qual é obrigado a conviver. O conto envolve muito mais que o pecado em si.

Para tratar da AVAREZA, Maud Epascolato trouxe a própria morte das profundezas para mostrar o quão avarento era o personagem Diego. Encontro com a Morte foi carregado de espiritualidade, porém, ao mesmo tempo em que o autor coloca toques de religião, nos mostra o quanto somos inúteis quando é chegada a hora da partida. Foi a história que mais me amedrontou, por eu perceber que sou avarenta. E foi ai que pude concordar com o que a sinopse nos conta. Realmente são histórias que poderiam facilmente ser as nossas.

A primeira reação do avarento é negar a própria condição. (p. 186)

Em O Perfume de Amália, Lucas Odersvank traz toda a trajetória de Daniel. O conto é narrado em primeira pessoa e podemos testemunhar a vida de LUXÚRIA do personagem. Também muito bem escrito, a história é muito completa e tocante. Ouso dizer que a mais triste. A única em que torci pelo personagem, que realmente pedi para que ele se livrasse de todo o pecado que existia dentro dele. 

Vivi paixões eternas que duraram apenas um dia, que foram esquecidas no cair da noite quando meu corpo despido encontrava-se em outra cama. (p. 223)

A IRA, presente no conto A Sétima Mácula de Fábio Abreu, talvez seja o pecado mais fácil de ser apontado. O autor não quis usar os humanos para mostrar tal pecado. Ele criou “os alterados”, pessoas nascidas com algum dom sobrenatural. O conto se interliga com todos os demais, porém achei confuso alguns pontos criados pelo autor. Esse foi o único que senti aquela frustração de querer uma continuação. Achei muito rápido, ficou nítido que alguns pontos que poderiam ser mais bem elaborados não o foram por ser um “conto”. 

Apreciei e muito a leitura. Como puderam ler, tive os meus prediletos, que me emocionaram mais e acabaram me instigando mais também. Todos os contos nos fazem refletir sobre nossos próprios pecados. É um livro com todas as características do pecado: envolvente, intrigante e misterioso.

Ao final ainda tem um teste que nos mostra qual é o nosso pecado capital. Bem, sou avarenta e fiquei muito abismada em descobrir isso. 

Para terminar, o quote mais lindo da antologia:

Neste infinito mar amargo, onde não sabemos de onde viemos, nem para onde vamos, apenas importam as coisas que podemos carregar em nossa alma. O amor é amais preciosa de todas elas. Quando o encontrar, segure, não solte. Não o perca, nem deixem que roubem. (p. 265)

Leitura recomendada!

Avaliação:





Essa resenha faz parte da Maratona Setembro Nacional, saiba mais:

28 comentários:

  1. Oi Bianca. Oi Francine.

    Não imaginava que o livro era tão bom, pois a resenha mostrou isso. Eu já tinha vontade de ler por causa do título e pela capa, agora tenho curiosidade pelos contos.

    Bjos

    http://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kênia!!
      Recomendo, são contos que irão te envolver, e à medida que você vai lendo a curiosidade aumenta mais rs.
      Beeijos

      Excluir
  2. Olá Fran!
    Adorei a resenha.
    Essa antologia parece ser ótima. Tratar dos sete pecados capitais é talvez até clichê, mas se feito de maneira certa, pode ficar excelente.
    Fiquei com vontade de ler cada um dos contos.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ane! Feliz que tenha gostado da resenha. Sabe que me sinto atraída por tudo que envolve os 7 pecados? Os melhores filmes que já assisti tinha o tema. E com a antologia não foi diferente.
      Beeijos

      Excluir
  3. Conto dos 7 é um livro extraordinário, assim como sua resenha apresentada. Amei o layout desse blog, se pudesse roubaria para mim. (risos)
    www.saotantas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Mairton!
      A Fran arrasa, cada pedacinho do blog é perfeito por demais ♥
      Beeijos

      Excluir
  4. De início não imaginei que o livro seria tão bom é tão recheado
    Fiquei muito feliz com sua resenha pois pude ver claramente o quão bom é esse livro
    Adorei
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Bárbara! Espero que leia em breve :)
      Beeijos

      Excluir
  5. Oi Bianca, seja bem-vinda mais uma vez. Adorei sua resenha!
    Com certeza fiquei bastante curiosa por essa antologia. Confesso que não conhecia esses autores e curti muito a iniciativa do My Queen Side em fazer essa divulgação. Vou conversar com as minhas amigas e ver se podemos entrar nessa tbm, seria muito legal.

    Quanto aos pecados. Eu sei que não sou perfeita, por isso estou consciente dos meus erros, porém... pecados? Preciso ler o livro e fazer o teste. Talvez eu seja orgulhosa... agora que parei pra pensar...

    Excelente resenha!
    Beijos, Iza
    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Izabela! obrigada :)
      Eu sempre achei que a preguiça fosse o meu pecado capital rsrs, e antes mesmo de fazer o teste já tinha chegado à conclusão que, o meu mal, é a avareza rsrs.
      Beeijos

      Excluir
  6. Oi Bianca
    Achei bem interessante a ideia de tratar dos pecados capitais. Não conhecia esses autores. Acho válido livros de contos com vários autores, faz o leitor pesquisar as obras dos autores envolvidos nos contos. Não gosto do fato de ter religião no meio, não sou fã de histórias que trazem religião em seus enredos.
    No teste só da um pecado né? Ainda bem, pois eu tenho mais de um... kkkk

    Bju

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!! Bem, eu pensei mesmo em falar um pouco sobre o fato de termos a religião tão presente na coletânea. Mas depois pensei: "estamos falando dos sete pecados capitais, claro que vamos ter religião". Então coloquei minha crítica individualmente ressaltando os contos que considerei apelativos ou não. Eu fujo de histórias que abordam o fanatismo religioso, mas não que falam sobre religião, independente de qual seja. No geral, as mensagens que podemos levar para as nossas vidas, são muito válidas.
      Aii,pensando sobre o teste agora, sabe que tem possibilidade de descobrirmos outros tb? Vou lá ver qual o meu segundo pecado capital hahaha.
      Beeijos!!!

      Excluir
  7. Oi Bianca, tudo bem?
    Nossa, adorei mesmo essa ideia de trazer 7 contos com os 7 pecados capitais. Mesmo contos não sendo meu tipo de leitura preferida - sim, já me frustrei bastante também - eu daria uma chance nesse sem pensar suas vezes!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Italo!!
      Eu fico muito triste quando quero continuação rsrs.
      Espero que leia e goste tanto quanto eu!
      Beeijos

      Excluir
  8. Oi Bianca! Eu gosto bastante de contos. Algo que tô me acostumando faz pouco tempo e também escrevo. Fiquei super interessada nesse livro e leria com certeza. O tema dos sete pecados sempre rende uma boa história. No caso, boas histórias. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sabrina!
      Ahh fiquei curiosa para saber mais sobre os seus contos. Espero lê-los :)
      Beeijos

      Excluir
  9. Oi oi!
    Que livro incrível! Apesar de não ler muitos livros de contos, eu gosto bastante, e isso do número sete me atraiu muito.
    Claro, sem tirar o fato de ser nacional, que me instiga mais ainda. Além disso, o tema também rende muita coisa boa, e pelo visto foi muito bem aproveitado.
    Espero muito poder ler em breve e curtir esses sete contos sobre os sete pecados escrito por sete autores (curti muito isso de sete hahahahaha).
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahah tantos setes não é mesmo Gab?
      Não esqueça de nos contar sua experiência com o livro.
      Beeijos

      Excluir
  10. Olá, Bianca. É um prazer ver uma resenha sua pela primeira vez. E concordo, sou uma dessas leituras fujonas em relação aos contos. Mas confesso que este realmente me intrigou principalmente por ter te agradado tanto a obra e até mesmo te emocionado. Não conhecia o livro, mas Conto dos 7 já entrou na minha lista.
    Beijos e muito sucesso <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Irisvanda!
      Obrigada. Desejo que você também se emocione quando o ler.
      Beeijos

      Excluir
  11. Olá Bianca!
    Sou Moisés Suhet, um dos autores da antologia do Conto dos 7. Fico imensamente feliz por saber que você gostou e recomenda o livro aos seus leitores aqui do blog. ..
    muito obrigado pela resenha.
    e me add no Face: Moisés Suhet.
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quanta honra Moisés!! Estou super feliz com o seu comentário, e saiba que amei seu conto. Parabéns!
      Adicionado ;)
      Beijos

      Excluir
  12. Olá Bianca,

    Esse é mais um livro que fico conhecendo aqui na rainha dos blogs, achei bem interessante, aborda assuntos polêmicos, a capa é meio sinistra....kkk....enfim dica anotada....bjs.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marco!!
      Essa capa é realmente perfeita, apesar de sinistra hahaha.
      Beeijos

      Excluir
  13. Oi, tudo bem?
    Eu nunca tinha ouvido falar desse livro, mas fiquei animada, pois acho interessante histórias sobre os 7 pecados capitais e gosto de contos, embora não leia com frequência esse gênero. Enfim, gostei bastante da sua resenha e achei ótimo você ter falado sobre cada conto individualmente, porque assim deu para saber melhor sobre o livro.

    Beijos :*
    Larissa - srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Larissa!
      Fico feliz que tenha gostado, e mais feliz ainda em saber que a forma que escolhi resenhar contribuiu para que você soubesse mais sobre o livro.
      Beeijos

      Excluir
  14. Oi, Francine! Oi, Bianca!

    Fiquei muito contente com uma resenha tão bacana sobre nosso livro. Muito obrigado!

    Sucesso ao blog e um grande abraço pra vocês! ;)

    L.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucas! Obrigada, é uma honra ter ser comentário.
      Amei seu conto, foi realmente lindo.
      Beeijos

      Excluir

Que tal deixar seu comentário?
Fico sempre muito feliz ao ler as opiniões dos nossos leitores. Se tiver um blog, informe, pois será um prazer retribuir sua visita.

Posts Relacionados
Posts Relacionados